Como as compras programadas de correias transportadoras podem ser suas aliadas em um cenário político e econômico instável?

Em tempos incertos, é preciso se adaptar ao cenário macroeconômico e criar estratégias para amenizar os impactos na sua indústria

Estamos enfrentando uma sequência de períodos conturbados na economia do país, o que continua sendo um campo fértil de desafios para todos os setores da indústria. Em todas as áreas, a busca por soluções que levem ao crescimento – mesmo em meio às incertezas – é o que mantém as empresas vivas.

Conforme projeções do relatório FOCUS do Banco Central (publicado em agosto), a projeção do PIB está em 0,80% para este ano. Se a economia caminha devagar em nível macro, certamente o ritmo lento afeta cada indústria, individualmente.

Em contrapartida, é mais fácil mudar de dentro para fora: optar por investimentos em produtos e serviços mais modernos e eficazes, adotar ações para aumentar a produtividade e, principalmente, reduzir custos, são medidas cruciais.

Qual a importância de uma boa gestão de compras para a indústria?

A gestão de compras é fundamental para que as indústrias mantenham-se competitivas no mercado, já que abre maiores possibilidades para a negociação de preços e outras vantagens junto aos fornecedores. Assim, Compras e Almoxarifado devem trabalhar juntos, seguindo a mesma estratégia, com o objetivo de obter o melhor custo-benefício.

Essa lógica não se aplica apenas às matérias-primas, mas também aos equipamentos e componentes utilizados nas linhas de produção, como as correias transportadoras. Estas peças são fundamentais para a alta performance das linhas automatizadas e a programação de compra e estoque pode evitar uma série de problemas e desgastes com manutenção emergencial e paradas não programadas.

Isso porque um estoque ineficiente pode variar entre dois grandes problemas: falta de materiais ou excesso de peças no estoque. Enquanto o primeiro compromete a operação da empresa e implica na indisponibilidade ou atraso na reposição das peças e longas paradas para manutenção (o que pode resultar em desperdício e prejuízos), o segundo é um empecilho logístico que coloca em risco a conservação adequada dos itens, assim como a possibilidade de manter peças obsoletas em estoque.

Planejando as demandas

O primeiro passo para uma gestão efetiva de compras e estoque é fazer um levantamento dos ítens com compras recorrentes, quais as periodicidades destas compras e qual a quantidade necessária de peças sobressalentes que devem ser mantidas em estoque.

Usar sistemas inteligentes que ofereçam este tipo de controle podem levar a uma maior agilidade na recompra (para pedidos idênticos ou similares) e análise do histórico de pedidos. Estas informações podem ser utilizadas em novas estratégias para as linhas de produção e também fornecer indicadores para guiar o desenvolvimento de estudos e padrões que otimizem o gerenciamento do estoque.

Conhecer as necessidades de compra, o intervalo entre os pedidos e a necessidade da quantidade de peças que devem ser mantidas no estoque são um tripé de elementos que precisam ser implantados e acompanhados, tanto para controle da situação presente quanto na elaboração de necessidades futuras.

Compras programadas

Com a análise dos dados levantados durante o planejamento e as devidas estratégias traçadas, é possível programar suas compras de correias transportadoras, criando calendários para fazer pedidos de acordo com a demanda identificada pelo histórico e mantendo em estoque apenas peças sobressalentes com saída certa.

Através de um plano de compras a médio e longo prazo, mas com entregas fracionadas, a indústria consegue negociar melhores preços e tem a vantagem do estoque permanecer, parcialmente, no fornecedor de correias transportadoras. Além da óbvia melhoria da gestão do estoque, há também o fator positivo de que o almoxarifado não ficará lotado de itens com risco de depreciação.

Soma-se à estas vantagens a possibilidade de prever custos, já que o fornecedor vai honrar com os valores negociados e definidos no momento do pedido das peças. Além disso, pedidos realizados em caráter emergencial apresentam duas contrapartidas: os valores tendem a ser mais elevados, por conta dos prazos urgentes de entrega, e o prejuízo de uma linha parada para manutenção não programada.

As compras programadas também são uma segurança de entrega dos produtos, garantindo que o fornecedor de correias transportadoras tenha sempre as peças a pronta entrega, possibilitando uma maior agilidade para a manutenção de suas linhas. No caso de compras emergenciais, por exemplo, pode ocorrer falta do produto no estoque do fornecedor.

Vantagens da compra programada:

  • previsão de custos
  • negociação de valores
  • facilidade no pagamento
  • estoque garantido
  • entregas nas datas pré-determinadas

Fornecedores confiáveis

Já falamos aqui sobre a importância de escolher fornecedores parceiros. Sabemos que nenhuma empresa foca somente em um único fornecedor, mas é imprescindível conhecer bem todos eles e, principalmente, confiar neles, porque a relação entre ambos deve ser bastante próxima. Quando isso acontece, o fornecedor pode, inclusive, conhecer o perfil da sua indústria, esclarecendo dúvidas quando encontrar erros nos pedidos ou participando ativamente no desenvolvimento de novos projetos ou indicações de correias mais assertivas.

Por isso, antes de contratar um fornecedor, é importante verificar não apenas o preço, mas também a credibilidade que ele tem no mercado, a disponibilidade de produtos que ele possui e a flexibilidade para entregas.


Podemos te ajudar com mais alguma informação? Conheça melhor nossos parâmetros para compras programadas e organize seus próximos pedidos.

Assine nossa newsletter
(Visited 3 times, 1 visits today)